Mau tempo deixa turistas retidos no sopé do Everest

Cerca de 2.000 turistas e seus carregadores estão há cinco dias retidos por causa do mau tempo em uma aldeia a 2.800 metros de altitude, no sopé do monte Everest.  Segundo a Reuters, eles estão em Lukla, principal acesso à montanha mais alta do mundo, no leste do Nepal, onde nuvens espessas e fortes ventos obrigaram as companhias aéreas a cancelarem seus voos para a região.

Bikram Neupane, chefe da Associação de Resgates no Himalaia, disse que todos os turistas estão a salvo. “Eles estão impossibilitados de pegarem os voos de volta para Kathmandu por causa do mau tempo”, explicou.

Lukla tem uma modesta pista de pouso encravada nas encostas montanhosas, onde pousam aviões de pequeno porte.

Mt. Everest

No outono – de setembro e novembro – há grande movimentação de montanhistas ocidentais no Nepal, que tem no turismo a origem de quase 4% do seu PIB.

2 Comentários

Arquivado em Ásia

2 Respostas para “Mau tempo deixa turistas retidos no sopé do Everest

  1. Sabemos muito bem dos riscos que correm turistas radicais. Um resort na costa baiana é bem mais confortável. Mas o que fazer com os espíritos inquietos, não é Sheila?
    Bjs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s